21 de mar de 2009

Politica do Colaborador

O Núcleo de Colaboradores da CUFA se configura com um conjunto de pessoas que queiram colaborar nos centros de atividades da CUFA (Central Única das Favelas), com objetivo de contribuir com o desenvolvimento humanos de jovens e moradores das favelas com ações cívicas, culturais, educacionais, científicas, recreativas e de assistência social.
O conceito colaborador designa atividades espontâneas em que as pessoas doam seu tempo, trabalho e talento para apoiar indivíduos, comunidade e causas, sem interesse de receber benefícios, matériais ou financeiros, independentemente de credos, preferências partidárias e que não gera direitos trabalhistas ou previdenciários.
O tempo de nossa parceria com os colaboradores fica a critérios de cada base, bem como do colaborador, ou por tempo indeterminado. O Colaborador irá disponibilizar de seu tempo vago, não importando o quanto e, de forma que não prejudique suas atividades particulares. Todos os trabalhos realizados pela CUFA são divulgados em Blog’s, sites, flickrs e matérias de cunho jornalístico e promocional.
Além disso, o núcleo de comunicação, em contato com a imprensa local e nacional, divulga suas atividades em veículos de comunicação de grande porte, fazendo com as atividades dos colaborares também sejam divulgadas desde que o colaborador liberar esta divulgação. A atuação e interação dos colaboradores nas ações e projetos desenvolvidos pela CUFA visam agregar conhecimento aos envolvidos, e interagir cada vez mais com a motivação e a vontade pessoal além de colaborar com quem necessita.
Estamos trabalhando com os colaboradores paralelamente com a sua área de atuação profissional, contribuindo da melhor forma, e de comum acordo com as atividades, que já vem realizando. O colaborador fará parte do núcleo de forma integral ou parcial, por gestão, pesquisa ou até mesmo á distância, lembrando que ser um Colaborador só depende dos interesses profissionais e pessoais de cada um, ou seja, qualquer um pode ser um Colaborador, só basta ter disposição.
A CUFA precisa de você jurídico, jornalista, projetista, instrutor, cineasta, produtor entre outros profissionais que possam voluntariamente contribuir para o crescimento sociocultural da entidade. Basta entrar em contato com uma das bases da CUFA e seja você um cidadão que ajuda o crescimento e desenvolvimento da favela. Não seja carente de espírito, seja cheio de vida, Colabore!!!
Por: Patricia Assunção

Nenhum comentário: