29 de mai de 2008

Seletiva de Basquete reúne mais de mil pessoas no Pedra 90

Fonte: Thalita Araújo


No último sábado, 24, mais de mil pessoas passaram pela Praça Cultural do Pedra 90, onde aconteceu a Seletiva Estadual de Basquete de Rua, SEBAR, promovida pela Central Única das Favelas de Mato Grosso, CUFA-MT. Jovens, crianças, adultos e idosos circularam pelo local durante a competição, que premiou times de basquete e levou entretenimento, cultura e cidadania à periferia da cidade.

Pela quadra passaram 17 times de basquete, sendo dois femininos. Além de times de Cuiabá e Várzea Grande, participaram equipes de Sinop, Jucimeira, Barra do Garças, Rondonópolis e Primavera do Leste.

Luciano Gonçalves, 18 anos, veio de Primavera do Leste para, pela primeira vez, participar da Seletiva Estadual. “O evento está sendo ótimo. Abre portas para os jogadores de basquete. Os jogos estão sendo muito legais!”, anima-se ele.

Luender da Silva Pereira, de 14 anos, também jogou. Ele enfatiza a paz estabelecida durante a competição. “Os jogos foram muito legais, não teve briga, todo mundo jogando na boa, em paz mesmo”.

Dentre a seletiva masculina, o grande campeão do dia foi a equipe Master Uniformes. Em segundo lugar, Anônimos e, em terceiro, a equipe ICE Street, todos de Cuiabá. O time feminino campeão foi o “Sinop”. Os primeiros colocados jogam na Liga Brasileira de Basquete de Rua, LIBBRA, no dia 31 de maio.

As mulheres, além do show de cestas em quadra, também fizeram parte da platéia. Evanildes Santos Oliveira, 22, foi ver o marido jogar. “Está sendo muito interessante pra mim, pois estou tendo a oportunidade de conhecer a cultura de rua, a cultura do hip hop, coisas que eu não sabia como eram”, explica.

As crianças também fizeram sua festa. Cerca de 120 delas receberam o livro “Cabelo Ruim”, da jornalista Neusa Baptista, juntamente com uma oficina de leitura e pintura, dada pela autora do livro. Ivanete Pereira, 12 anos, ficou bastante entretida com o livro e as figuras para pintar. “Achei boa a oficina, aprendi coisas novas. Nunca tinha participado de uma coisa assim”, conta a menina.

Neusa alegrou-se com a quantidade de crianças interessadas que iam aparecendo ao longo do dia. “Elas são muito carentes de atividades educativas e de lazer. Muitas apareceram por aqui”, explica a jornalista.

Um número semelhante de crianças também visitou a Biblioteca Itinerante. Na tenda ao lado, a Rede Cidadã distribuiu cartilhas informativas sobre a lei Maria da penha. E o Fórum de Articulação das Mulheres expôs materiais sobre a violência contra mulher.

A cabeleireira Ana Fashion fez, literalmente, a cabeça das mulheres no evento, com seus criativos penteados afro. Rodas de Break, com a CTK Crew de Cuiabá e Barra do Garças, agitaram o público no final do dia, além das animadas rodas de capoeira.


Confira mais imagens aqui: http://www.flickr.com/photos/cufamt/

26 de mai de 2008

Coordenadores da CUFA se reúnem com o Deputado Federal Abicalil


O deputado federal Carlos Abicalil (PT) se reuniu nesta sexta-feira (16), com coordenadores da Central Única das Favelas (CUFA) no Estado. Eles vieram agradecer e solicitar informações sobre a emenda de R$ 200 mil que Abicalil fez ao Orçamento Geral da União (OGU) 2007, em benefício de projetos culturais desenvolvidos pela Central.


Abicalil informou que esta semana começou a visitar os Ministérios do governo, para solicitar o empenho das emendas que foram apresentadas por ele e que, após a abertura do orçamento deste que ocorreu neste mês, o próximo passo é a apresentação dos projetos. “Apresentei a emenda, em função do atraso na aprovação, o Orçamento foi aberto somente este mês. Agora vocês devem aguardar o empenho para apresentar o projeto, para análise e liberação dos recursos”, disse.


A ação que será desenvolvida pela CUFA, com o apoio do deputado, trata-se da oferta de projetos culturais com oficinas de djs, dança, grafíte, música e palestras voltadas à cidadania. O objetivo é prevenir ações criminosas e proporcionar inclusão social das comunidades periféricas.


A coordenadora Karina, destacou que os recursos serão utilizados para atender a projetos em algumas cidades de Mato Grosso. “Estamos felizes porque vamos atender não somente Cuiabá, mas o Estado. Em Sinop, por exemplo, vamos abrir uma quadra para atividades, onde também vai funcionar o espaço da CUFA”, disse.


Os coordenadores aproveitaram para convidar o deputado para a inauguração do espaço, em Sinop. “Agradeço o convite. E agora vamos priorizar a apresentação e aprovação do projeto” disse Abicalil. Ele ainda ressaltou a necessidade de rigor na prestação de contas por parte da Central, aos recursos que serão repassados, para que haja possibilidade de novos convênios.

20 de mai de 2008

Seletiva de Basquete agrega cidadania e cultura em Mato Grosso


Basquete de Rua, Rap, Graffiti, Break e ações de cidadania movimentam a Praça Cultural do Pedra 90, no próximo dia 24.

No próximo sábado, dia 24 de maio, será realizada a Seletiva Estadual de Basquete de Rua – SEBAR, promovida pela Central Única das Favelas de Mato Grosso (CUFA-MT). A Seletiva acontecerá na Praça Cultural do Pedra 90, das 8 às 17 horas, e será aberta gratuitamente ao público.

A competição premiará times de basquete com troféus e vagas na Liga Brasileira de Basquete de Rua – LIBBRA. Além disso, oferecerá passagens para o Rio de Janeiro, para que a equipe vencedora possa disputar a Liga.

Além do esporte, a SEBAR agrega diversas ações culturais e de cidadania, como mostras, oficinas e outros espaços de circulação de conhecimento. Incluir o jovem em um intercâmbio de práticas esportivas e culturais é um dos objetivos da Seletiva. Levando as atividades até o bairro Pedra 90, periferia da cidade, promove-se uma descentralização de tais práticas, formando públicos, incentivando a cultura de rua, popularizando o basquete e enriquecendo o conhecimento da comunidade.

Em parte da Praça, além das quadras de basquete, estarão montadas diversas tendas onde acontecerão variadas ações de cidadania. Pela manhã, funcionará uma tenda de leitura – a Biblioteca Itinerante Saber Com Sabor – organizada em parceria com a Prefeitura Municipal de Cuiabá e a Secretaria de Estado de Educação (SEDUC).

Já no período da tarde, das 13 às 17 horas, a Tenda Maria, Maria agrega mulheres da Casa de Amparo, que irão expor as bonecas confeccionadas por elas. Outras atrações dessa tenda são: a arte das tranças nos cabelos, o artesanato e uma mostra de teatro, com a Peça Cabelo Ruim, escrita pela Jornalista Neusa Baptista. Em outra tenda, acontecerá uma oficina do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas.

Até a moda estará presente na SEBAR, por meio de uma tenda-bazar que será proporcionada pela parceria CUFA-MT / C&A. Nela, serão vendidas roupas doadas pela C&A e a renda será revertida em prol da construção da biblioteca da Favela Cultura, na base da CUFA-MT, no bairro Jardim Vitória.

Em parceria com a Secretaria de Desporto e Lazer, haverá um espaço recreativo para as crianças, com pula-pulas, brinquedos e outras atrações.

O Projeto Consciência Hip Hop – que originalmente atua no Jardim Vitória e no Centro Sócio-Educativo Complexo Pomeri – também estará na Seletiva, com oficinas de Graffiti (artes plásticas); MC e DJ (Música); Break (Dança) e também do “astro do dia”, o Basquete de Rua.

O evento seguirá ainda pelo período da noite, quando acontecerão shows de rap, intervenções de graffiti e apresentações de break, elementos pertencentes à cultura Hip Hop.

Toda a comunidade está convidada a participar gratuitamente das atividades da SEBAR!!

Inscrições

• Para inscrever seu time de basquete na SEBAR, mande e-mail para sebarmt@cufamt.org.br.

• As inscrições custam R$ 30,00 por equipe.


• Podem inscrever-se times masculinos e femininos (não mistos).


• As equipes poderão ter no máximo sete integrantes (quatro titulares e dois reservas) e um responsável (que poderá ser um dos atletas).


• O modelo da ficha de inscrição está disponível na internet, no endereço http://www.sebarmt.blogspot.com/.


Além de Cuiabá, já existem times inscritos de várias cidades do interior, o município de Sinop terá 02 representantes de cada modalidade na competição, serão as equipes Fasipe e Chá de Fita pelo masculino e as equipes Fasipe e Meninas Super Poderosas pelo feminino, estas equipes foram classificadas durante a realização da LUSIP - Liga Urbana de Sinop, também realizada pela Central Única das Favelas.

14 de mai de 2008

1° Body Art Matogrossense será realizado em Cuiabá


Nos dias 17 e 18 de maio, o clube Feminino abre suas portas para mais uma ação da cultura urbana, a Body Art. Trata-se do primeiro Festival de Tatuagem de Mato Grosso, promovido pelos studios mato-grossenses “Dois Loco” e “Bicudo”, em parceria com a Central Única das Favelas. Serão doze studios reunidos em um só lugar, popularizando e valorizando a arte corporal.


A principal atração do Body Art é sem dúvida o Freak Show. A prática, que consistia em fazer exposição de anões, gêmeos siameses, gigantes, encantadores de serpentes, como forma de entretenimento, no final do século XIX, na Europa, é hoje uma técnica que consiste na suspensão do corpo preso a ganchos na pele. Trata-se de uma representação conceitual, de ordenamento do corpo, mente e espírito, segundo os amantes de tal prática.


Gibi Body Art de Goiás, coletivo que realiza o freak show e o tatuador Alexandre Veríssimo, considerado um dos melhores do Brasil, segundo revistas especializadas no setor, estarão em Cuiabá, realizando suas performances para o publico cuiabano, que cresce cada vez mais.


A ação agrega profissionais, adeptos e simpatizantes da tatuagem em uma grande feira, tendo como ideal a expansão, divulgação de estilos e tendências da arte, comercialização de materiais profissionais do setor, além da conscientização sobre o uso e aplicação das técnicas da tatuagem.


Hoje, cada vez mais studios são abertos, e a preocupação de alguns profissionais da área é a falta de capacitação dos tatuadores. A Body Art visa evitar incidentes de saúde pública, como a contaminação por uso inadequado de materiais, por meio da conscientização destes profissionais. Para isso, a Vigilância Sanitária realizará palestras sobre a higienização dos equipamentos.


Studios de Tangará da Serra, Nova Mutum, São Paulo e Goiás participam da Body Art. Os studios cuiabanos não ficam de fora. RoseIbrain Tatoo, Jacson Tatto, Cezar e Siloé Body Piercing, Cicciolina, Viúva Negra Tatto e Still Tatoo já têm presença confirmada nos stands.


O festival começa no dia 17 de maio, a partir das 13hOO, e vai até o dia 18, com shows de rock, rap e apresentação de djs de musica eletrônica, durante a noite. Os ingressos estão à venda por R$ 5,00 no Studio Dois Loco, localizado na rua Candido Mariano, nº 728 e também na CUFA, que fica no prédio da Secretaria Municipal de Cultura.


Mais informações: (65) 3025- 2759 e 3023-8072

8 de mai de 2008

CUFA-MT lança Web TV na troca de tecnologias.

Por: Ronaldo Silva

A CUFA lançou hoje a Web TV CUFA-MT, um veículo de comunicação áudio visual veiculada no Youtube. Serão edições mensais veiculadas em sites, blogs, orkut, MSN e no Portal Fora do Eixo. Como todo programa suas pautas e roteiros esta sendo planejadas, discutidas e avaliadas pelos membros da própria equipe que integra o projeto e a direção do programa.

As ferramentas para a produção da Web Tv CUFA, são bem simples: uma câmera digital e um programa de edição. A principio é produzida pelos membros do núcleo de comunicação da própria CUFA Cuiabá em parceria com os diretores da Web TV Hell City Thiago Baggio e Fabrício Chabô.
Tem como foco principal divulgar as ações da instituição, fomentando a cultura urbana do estado e descentralizando as informações de caráter políticos-culturais, sociais e de entretenimento. A movimentação coletiva independente do estado será o foco das reportagens.

A Web Tv CUFA, é uma iniciativa vinculada há troca de tecnologia entre pessoas ligadas aos coletivos da cultura alternativa e centros de mídias independente, capitaneada pelo Circuito Fora do Eixo. O Circuito fomenta o Card como moeda social cultural, circulando-a em todo país reforçando o poder da troca e colaboração entre comunicação, música, artes cênicas, áudio visual entre outros.

5 de mai de 2008

Conferência Nacional da Juventude


Coordenador da CUFA de Sinop, Anderson Maciel, participou juntamente com mais de 2000 delegados da Conferência Nacional de Juventude, entre os dias 26 a 30 de abril, em Brasilia, onde dentro de varios GT's, alguns tradicionais como tradicionais como educação e trabalho e outros inovadores como negros e negras, mulheres e Gays, Lésbicas, Transsexuais, Transgêneros e Travestis, aprovaram 22 prioridades de políticas públicas para este conjunto da população, os delegados/as também definiram, por meio de votação, 69 resoluções, estas são compostas por três propostas de cada um dos 23 Grupos de Trabalho.
A primeira Conferência Nacional de Juventude foi um marco no esforço, que une governo e sociedade civil para consolidar a política nacional de juventude e incluir, de forma permanente, integrantes das CUFAS de Mato Grosso, Goiás e Brasilía que participaram da Conferência, defenderam propostas que venham a fazer das pessoas das comunidades, verdadeiras protagonistas das suas vidas.












2 de mai de 2008

CUFA Sinop assina termo de compromisso com a prefeitura municipal.

Por: Ronaldo Silva



Coordenador da CUFA Sinop participou neste dia 25 sexta-feira, da cerimônia de lançamento do pacote de obras, que a prefeitura municipal realizou firmando o compromisso de investimento de 170 milhões de reais em obras para o município tais como: asfalto, postos de saúdes, creches comunitárias, etc.


O evento realizado no SESI, contou com a presença de políticos, empresários, associações de moradores e representantes de instituições sociais. Anderson Maciel coordenador da Central Única de Favelas Sinop, se fez presente para assinar junto com os demais beneficiados um termo de compromisso, de revitalização da praça união, cobertura de sua quadra de esporte e construção da sede da CUFA no local, onde este projeto também está incluído no pacote de obras.


A praça que é localizada no Bairro do Jardim Jequitibás, região pólo, norte da cidade, já foi usada como ponto de encontros de dependente químico e praticas de crimes. Abandonada se encontrava em condições mínima de uso, há 1 ano devido a várias reclamações de vivinhos e após uma reunião da instituição e associação de moradores, começou então o processo de reestruturação do ambiente. A CUFA por sua vez, iniciou varias atividades no local, ministrando oficinas de break, graffiti, Festival de Pipa, Hip-Hop na Comunidade, escolinha de futebol entre outras, aos domingos realizando a Tarde Cultural, com isso retomando a freqüência de pessoas no local, mas somente após muita luta e correria, o poder publico deu ouvido a população e hoje o que era um reduto de usuários de entorpecente é um centro cultural usado para a educação e lazer da população.