29 de abr de 2009

Cufa realiza grandiosa programação de inauguração do mini ginásio Picasso

Por: Cíntia Michelli

Ginásio Jair Alves " Picasso"

Aconteceu no dia 26 de abril, por volta das 15:30hs, a comemoração da mais esperada inauguração do tão sonhado mini ginásio poliesportivo, Jair Alves, mais conhecido como “o Picasso”, a CUFA – Central única das Favelas por sua vez participou de mais este momento histórico para a cidade de Sinop, promovendo uma programação, proporcionando a todos os presentes momentos de descontração e lazer a todos os presentes.

Abertura da Programação

Esteve presentes as autoridades explanando a importância de mais esta obra junto a praça União, visando a diminuição da criminalidade e vandalismo dos jovens que por ali perambulavam.

B.Girl Taynara e B.Girl Rosimeire

A inauguração contou também com a apresentação dos B.Boys, B.Girls e Dj’s para animar a galera, Dj Draw de Cuiabá e DJ’s Pavor e Jhonatan de Sinop, no decorrer da tarde houve também o intercâmbio cultural com uma grande mobilização para inscrições das oficinas da Cufa para 2009, que serão ministradas na Praça União; Manobras de Bike, Teatro, Capoeira, Axé, Break, Graffite e Basquete de Rua.

As inscrições será até o dia 30 de abril de 2009, nas dependências da Cufa que se localiza na Av. Jequitibás,s/n°- anexo a Praça União.

A importância da implantação do ginásio é de maior fomentação e interação da sociedade levando o esporte e lazer na vida cotidiana de todos, onde hoje em dia o esporte é considerado um dos fenômenos socioculturais mais importantes deste final de século.

Pra mais informações entrem em contato com o fone: (66) 3532 – 3209

28 de abr de 2009

Coordenador CUFA Sinop participa da Formação em Economia Solidária

Por: Ronaldo Silva


O coordenador da CUFA-Central Única das Favelas da cidade de Sinop Anderson Maciel participa do conselho gestor do Centro de Formação em Economia Solidária, que será realizado na capital Cuiabá, nos dias 28, 29 e 30.
O coordenador estará presente em todos os debates, onde, buscará se qualificar para assim poder compartilhar, e aplicar seus conhecimentos na cidade em prol de melhorias para toda a sociedade.

A CUFA de Mato Grosso faz parte do Conselho gestor do Centro de Formação em Economia Solidária, que será lançado amanhã, em Cuiabá. O fato é a discussão acerca da Economia Solidária já permeia (internamente) na Central já há algum tempo, e agora as discussões começam a ganhar corpo no Centro de Formação.
O centro de formação tem por objetivo subsidiar discussões sobre a formação de uma cadeia produtiva com o viés da Economia Social, bem como formar e estimular empreendedores dessa área. A solenidade de lançamento também será o momento de planejamento dos cursos que serão oferecidos.

Por: Fernanda Quevedo
Começam amanhã, dia 28 de abril, as oficinas do Projeto Circuito Pixaim, coordenado pelo Núcleo Maria Maria, da Central Única das Favelas de Mato Grosso (CUFA MT). A primeira oficina a começar será a de leitura, que será integrada à oficina de tranças.

A oficina de leitura às 14 horas e de tranças às 14h30. A frente das tranças, a cabeleireira Ana Fashion; na oficina de leitura, a jornalista Neusa Baptista Pinto, autora do livro “Cabelo Ruim? A história de três meninas aprendendo a se aceitar”, que será utilizado como material nas oficinas.

Pelo calendário do projeto, ambas as oficinas acontecerão às terças e quintas-feiras, sempre das 14 às 17h30, na Associação de Moradores do Bairro Alvorada.

Já no dia 30 de abril, das 17 às 18h30, começa a oficina de teatro, ministrada pela atriz Jácilla Morais. A atividade acontecerá na escola municipal Marechal Cândido Rondon, no bairro Alvorada, onde terá continuidade no dia 2 de maio, integrada à programação do Projeto Escola da Família. Esta oficina acontecerá às quintas, sextas e sábados.

Todas as oficinas são gratuitas e terão duração de dois meses. Durante a programação, os participantes receberão livros de presente.

Os interessados em integrar as oficinas de leitura e de teatro podem fazer as inscrições pelo telefone 3023 9283. As inscrições para a oficina de tranças estão encerradas.Mais informações:

http://www.projetopixaim.blogspot.com/

24 de abr de 2009

Praça União recebe ginásio poliesportivo, Cufa ganha espaço esportivo

Por: Cíntia Michelli
Neste domingo (26) a Central Única das Favelas de Sinop estará participando de mais um momento histórico em Sinop, após mudar a cara da Praça União no bairro Jardim Jequitibás, a criminalidade que existia naquele lugar ganhou um diminutivo.

Após essa conquista agora é hora de receber o tão sonhando mini ginásio poliesportivo, Jair Alves “o Picasso”, construído em parceria com o Governo do Estado e a Prefeitura Municipal. E para comemorar essas conquista os cufianos de Sinop, farão uma grandiosa programação de Intercâmbio Cultural.


A praça será invadida por B.Boys, B.Girls e Dj’s para animar a galera, Dj Draw de Cuiabá e DJ’s Pavor e Jhonatan de Sinop. O evento começará às 15hs da tarde deste domingo com muita descontração. Durante à tarde do intercâmbio cultural terá uma grande mobilização para inscrições das oficinas das Cufa para 2009, que serão ministradas na Praça União; Manobras de Bike, Teatro, Capoeira, Axé, Break, Graffite e Basquete de Rua.

Mais para quem não conseguir se inscrever no domingo as inscrições prossegue até dia 30 de Abril na sede da Cufa na Praça União.

Dj Draw

Fabio Draw é uns dos fundadores do 3D Crew e realizadores do Vitório Eletro Free e com pouco tempo de estrada já foi eleito um dos dez melhores DJ do Estado de Mato Grosso no ano de 2008.

Há 03 anos entrou em projeto da Cufa (Consciência Hip Hop) e com as aulas do Dj Taba conheceu a arte da discotecagem. A sua passagem no Hip Hop foi rápida por logo se interessou pela E-m e não parou mais.

No início de 2009 começou a produzir seus próprios sons e fazer parte da cena eletrônica de Cuiabá. E como um dos importantes músicos que nasceu na Cufa não poderia ser diferente, estar em Sinop no dia 26 para fazer a festa dos cufianos com muito som.

20 de abr de 2009

A hístoria do Breaking

Por: B.boy Lagartixa - Rafael Maciel de Alencar
O B.boying teve início por volta de 1964, no Bronx, bairro periférico dos EUA, o qual na época sofreu muitas mudanças por causa da política e o contexto social que se encontrava. Foi desenvolvida nas disputas e performances de suas festas. Trata-se de um estilo de vida com vestimenta, música e linguajar próprios.


O B.boying ou Breaking, é um dos elementos da cultura Hip Hop, e teve influência da Salsa, Kung Fu, Capoeira e Ginástica Olímpica e principalmente dos estilos musicais Funk e Soul os quais o Rei James Brown representou muito bem.


A partir dos anos 70, o estilo de dança Breaking já era bem conhecido e começou a se difundir em outros países. Os 3 primeiros b.boys foram os Nigga Twins. E quem Apelidou os dançarinos de B.boys foi o DJ Kool Herc.


De acordo com Alves (2004), os responsáveis pela "importação" do Breaking ao Brasil foram Nelso Triunfo e Lilo Brown nos anos 70. não podemos esquecer que na dança temos inlfuência também do músico Gerson King Combo, o qual ajudou a difundir a cultura Black no Brasil.
O breaking possui 4 Fundamentos Básicos:

* Toprock: dança em pé, é a apresentação inicial do B.boy.
* Footwork: dança no chão, são movimentos com as pernas usando os braços como apoio.
* Freezes: Congelamento, geralmente usado na finalização de uma sequência
* Powermoves: Movimentos de Giro, os mais conhecidos são o Moinho de vento(girando com as costas no chão) e “Giro de Cabeça”

Considerações Finais:
Eu B.boy lagartixa Pratico o Breaking a 4 anos, e já tive vários títulos, entre eles um 2° lugar no sul americano Boty Brasil 2008 em Campinas SP e o Estadual matogrossense no Consciência Hip Hop em Cuiabá MT, além dos campeonatos “pequenos” da minha cidade e cidades do norte do Mato Grosso.
B.boy Lagartixa - Rafael Maciel de Alencar Coordenador de Hip Hop da Cufa Sinop

A minha visão é que o Breaking pode contribuir muito na nossa sociendade, atreves de projetos podemos afastar menores da criminalidade e dos vícios, alem disso o Breaking pode contribuir também nos núcleos de ensino como Escolas e Universidades e na Educação Física através de conteúdos referentes à dança e da educação pela proximidade e interação com o público.
Pela imensa aceitação atual do breaking nos meios educacionais, esportistas, midiático e de entretenimento, os futuros professores universitários vinculados a essa dança(EU) carregam um elemento de grande potencial, conteúdo e valia. Daí a importância do estudo dos mesmos.

18 de abr de 2009

Sinop realiza 1ª Conferência Estadual de Segurança Pública ( CONSEG)


Por: Cíntia Michelli

Autoridades presentes

Representantes da Comissão Organizadora da 1ª Conferência Estadual de Segurança Pública estiveram em Sinop, na última sexta-feira 17/04 , onde foi realizado a primeira mobilização CONSEG, Com o objetivo geral de encontrar caminhos para a construção de um modelo de segurança pública que privilegie a cidadania em geral.

A 1ª Conferência Nacional de Segurança Pública é um marco histórico na política nacional, apresentando-se como um valioso instrumento de gestão democrática para o fortalecimento do Sistema Único de Segurança Pública (Susp), dentro de um novo paradigma iniciado pelo Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci).


Representantes dos poderes judiciarios, civis e militares

O objetivo geral da conferencia foi de definir os princípios e diretrizes orientados pela Política Nacional de Segurança Pública, com a participação da sociedade civil, trabalhadores e poder publico como instrumento de gestão, com o intuito de efetivar a segurança como um direito fundamental.

Votação para a escolha dos representantes da etapa estadual


No decorrer da programação foram indicadaos 12 representantes para a etapa estadual, onde foram eleitos Anderson Maciel – coordenador da CUFA (Central Única das Favelas e Cíntia Michelli da Costa – coordenadora de comunicação da CUFA, Jane Cleide Brito, Vagner Rodrigues, Aloizio P. Barros, José C. Timóteo, Ivonei Androni, Feliciano Azuaga, Edmilson Pereira, Helmir Crispiano, Marcia Maria, Francisco Brito, onde os mesmo marcaram presença em Cuiabá na realização da etapa estadual que acontecerá 18, 19 e 20 de junho.

Votação dos principios e diretrizes

Anderson Maciel, representante da CUFA que participa das comissões estadual e nacional da Conferência, foi eleito e relatou que é de suma importância para o nosso segmento a participação na CONSEG pois desenvolvemos trabalhos de prevenção à violência e ressocialização, explica Anderson.

O processo participativo da 1ª Conseg é amplo e envolve uma série de etapas para que qualquer cidadão e cidadã possa encaminhar propostas à etapa nacional em Brasília, que ocorrerá de 27 a 30 de agosto de 2009., a realização da Conferência implicará em significativas mudanças sociais tendo em vista a oportunidade de detectar problemas em comum e buscar soluções conjuntas.

Núcleo Maria Maria em parceria com pastoral do Bairro Maria Carolina

Por: Cíntia Michelli


Esta confirmado para este sábado 18/04 ás 14hs a realização da pesagem das crianças no bairro Maria Carolina, realizado pela Pastoral do bairro, juntamente co m o Núcleo Maria Maria da CUFA – Central única das Favelas.

A programação contará com a participação do Professor Maicon Caneppele, especialista em Obesidade e Crescimento, abordando o tema supracitado, contribuindo assim para uma melhoria de vida e bem estar a todos.

Núcleo Maria Maria que por sua vez marcará presença realizando atividades recreativas com as crianças, com apresentação de oficinas de Breaking proporcionando uma tarde repleta de descontração, reflexão e lazer a todos os presentes.

Local: rua Sonia Maria aos fundos da Igreja
Bairro: Maria Carolina
Horário: 14hs

16 de abr de 2009

Mudança de hábito: Cufa abre oficinas para 2009 em Sinop

Por: Cíntia Michelli

Fazendo do nosso jeito!


A CUFA Central Única das Favelas, abre inscrições para 05 oficinas culturais que serão oferecidas a toda a comunidade gratuitamente neste ano de 2009:

* Ofinas de Graffite;
* Oficina de Breaking;
* Oficina de Teatro;
* Capoeira;
* Axé;
As oficinas serão oferecidos para crianças e adolescentes de 7 à 17 anos de idade, os interessados deverão apresentar uma declaração de autorização por escrito dos pais ou responsáveis pelos mesmos.
O objetivo geral da realização destas oficinas é de oportunizar aos jovens atividades culturais e de lazer fazendo assim com que amplie-se o número de pessoas incluídas na comunidade atráves da diversificação cultural. Tendo sempre em mente que a cultura não é apenas algo que dá prazer, e sim que entretém o ser humano.

É também um importante meio de construção de valores, identidades pelo qual os indivíduos e a sociedade podem usufruir de uma existência intelectual, moral e afetiva, na medida em que as atividades culturais estimulam a imaginação, a auto-estima, a sensibilidade, as capacidades críticas e criativas das pessoas e o sentido de coletividade.

Assim, a cultura também se configura como uma importante forma de inclusão social e cultural de segmentos à margem da sociedade e de luta contra o desemprego e a pobreza para que o mundo atinja os objetivos de desenvolvimento do milênio e erradique a pobreza, tem que antes de tudo, vencer o desafio da construção de sociedades culturalmente diversificadas e inclusivas, visibilizando cultura como um sistema de conhecimento da realidade, desta forma, a cultura configura-se como um dos motores do desenvolvimento sustentável.

As inscrições se estenderá até o dia 30 de abril de 2009, onde serão realizadas na sede da CUFA situada a Av. Jequitibás,s/n°- anexo a Praça União Bairro Jequitibás.
Para mais informações entrem em contato com o Fone: 66 3532 3209.

“ CUFA, Cultura e desenvolvimento social: partilhando responsabilidades”.

15 de abr de 2009

MARIA MARIA DA CUFA E PASTORAL DA CRIANÇA REALIZARÃO AÇÃO NO BAIRRO MARIA CAROLINA

Por: Cíntia Michelli

Acontece neste sábado dia 18/04 apartir das 14hs no bairro Maria Carolina, situado á rua Sonia Maria aos fundos da Igreja, a pesagem das crianças realizadas pela pastoral do bairro juntamente com Núcleo Maria Maria que por sua vez marcará presença realizando atividades recreativas com as crianças, palestras com as mães presentes uma tarde repleta de descontração, reflexão e lazer.
Confiram aqui a programação completa em breve.

Núcleo “Maria, Maria” lança projeto neste sábado em Cuiábá

Moradores do Bairro Alvorada:
Paulo Brother, Izabel, Hanne, Driele e Dona Maria

Acontece no próximo sábado (18), à partir das 14 horas, o lançamento do projeto Circuito Pixaim, coordenado pelo núcleo “Maria Maria”, da Central Única das Favelas de Mato Grosso (Cufa-MT). O lançamento reunirá a comunidade na praça cultural do Bairro Alvorada, em Cuiabá.


À tarde, a programação infantil contará com atividades esportivas, lazer, música, bazar de roupas, oficina de pintura e muito mais... A partir das 19 horas, a noite vai ferver com programação cultural que incluirá apresentações dos músicos Amauri Lobo, DJ Linha Dura e o Coral na Boca do Povo.


Destaque para as participações de artistas do próprio bairro, entre eles do DJ Fernando, a banda de rock Lótus e a dupla sertaneja Luiz Paulo e Hernanes.No lançamento, também estarão sendo feitas as inscrições para as três oficinas do projeto Circuito Pixaim, que acontecem nos meses de abril e maio no bairro Alvorada. Serão oferecidas oficinas de tranças afro, leitura e teatro, todas de graça e abertas também a moradores de outros bairros.


O projeto Circuito Pixaim integra o programa Pixaim, que prevê várias ações voltadas para comunidades. O objetivo é levar a vários grupos sociais, em especial as mulheres e meninas negras dos bairros periféricos e comunidades quilombolas, a discussão sobre padrões de beleza instituídos pela sociedade, bem como a organização do discurso político destas mulheres, além de uma oportunidade de geração de emprego e renda.
Por: Fernanda Quevedo

3 de abr de 2009

Lançamento do Núcleo Maria Maria em Peixoto de Azevedo

Por: Cíntia Michelli

Acontece neste sábado dia 04 de abril na cidade de Peixoto de Azevedo, o lançamento do Núcleo Maria Maria, que é um movimento de mulheres da Cufa (Central Única das Favelas), que tem como objetivo estimular as mulheres a participar dos processos políticos de decisões e ocupação de espaço, orientadas pelo plano Nacional de políticas para mulheres Brasileiras, e pelas metas do milênio, desenvolvidas pela ONU, proporcionandoa estas mulheres, sejam elas crianças, adolescentes, jovens e adultas, momento de descontração, reflexão e lazer, visando o seu papel no dia-a-dia perante a sociedade, e principalmente na importância de seu protagonismo feminino.