17 de mar de 2009

Deputada Vilma Moreira recebe representantes da Cufa


Representantes Central Única das Favelas (CUFA) de Mato Grosso estiveram no gabinete parlamentar da deputada estadual profª Vilma. Durante a visita, Karina Santiago apresentou a organização e ainda pediu ajuda da deputada para a captação de recursos para desenvolver o “Projeto Pixain”. O Projeto Pixain visa realizar oficinas para as mulheres afrodecendentes como: trança e penteados afros, leitura e teatro. “nosso objetivo é estimular o empreendedorismo e a estética da mulher negra”, explicou Karina.

Por enquanto a organização já firmou parceria com o município de Cuiabá para a realização do projeto na capital. E o bairro escolhido será o Alvorada. Lá as mulheres terão aulas de trança e penteados afro duas vezes na semana, aulas de teatro três vezes e ainda oficina de leitura aos sábados estimulando a interpretação de textos e a discussão dos mesmos. Por enquanto a oficina terá duração de três meses, e a previsão para início é abril.
A Cufa-MT realizará o Projeto Pixain também em comunidades quilombolas. E agora está buscando recursos, por meio da lei Ruanê (de incentivo à Cultura) para trabalhar o projeto em mais 30 municípios.
“Percebemos o benefício que levamos nas comunidades em que atuamos, porque vemos acontecer a valorização da localidade em que se mora. Favela não é apenas o esteriótipo dos morros do Rio de Janeiro e São Paulo, mas é todo o lugar onde as políticas públicas não chegam”, esclarece Karina Santiago. “Além disso, os trabalhos da CUFA envolvem em grande maioria os jovens que descobrem a importância de se expressar por meio da cultura, especialmente do Hip Hop”, finaliza.

A CUFA em Mato Grosso existe desde 2004 e hoje conta com oito regionais: Alta Floresta, Confresa, Sinop, Barra do Garças, Colíder, Juara, Peixoto de Azevedo e Rondonópolis.

Fonte: Renata Aprá Assessoria de Gabinete

Nenhum comentário: