16 de abr de 2009

Mudança de hábito: Cufa abre oficinas para 2009 em Sinop

Por: Cíntia Michelli

Fazendo do nosso jeito!


A CUFA Central Única das Favelas, abre inscrições para 05 oficinas culturais que serão oferecidas a toda a comunidade gratuitamente neste ano de 2009:

* Ofinas de Graffite;
* Oficina de Breaking;
* Oficina de Teatro;
* Capoeira;
* Axé;
As oficinas serão oferecidos para crianças e adolescentes de 7 à 17 anos de idade, os interessados deverão apresentar uma declaração de autorização por escrito dos pais ou responsáveis pelos mesmos.
O objetivo geral da realização destas oficinas é de oportunizar aos jovens atividades culturais e de lazer fazendo assim com que amplie-se o número de pessoas incluídas na comunidade atráves da diversificação cultural. Tendo sempre em mente que a cultura não é apenas algo que dá prazer, e sim que entretém o ser humano.

É também um importante meio de construção de valores, identidades pelo qual os indivíduos e a sociedade podem usufruir de uma existência intelectual, moral e afetiva, na medida em que as atividades culturais estimulam a imaginação, a auto-estima, a sensibilidade, as capacidades críticas e criativas das pessoas e o sentido de coletividade.

Assim, a cultura também se configura como uma importante forma de inclusão social e cultural de segmentos à margem da sociedade e de luta contra o desemprego e a pobreza para que o mundo atinja os objetivos de desenvolvimento do milênio e erradique a pobreza, tem que antes de tudo, vencer o desafio da construção de sociedades culturalmente diversificadas e inclusivas, visibilizando cultura como um sistema de conhecimento da realidade, desta forma, a cultura configura-se como um dos motores do desenvolvimento sustentável.

As inscrições se estenderá até o dia 30 de abril de 2009, onde serão realizadas na sede da CUFA situada a Av. Jequitibás,s/n°- anexo a Praça União Bairro Jequitibás.
Para mais informações entrem em contato com o Fone: 66 3532 3209.

“ CUFA, Cultura e desenvolvimento social: partilhando responsabilidades”.

Nenhum comentário: