16 de nov de 2007

Música, mostras de cinema, meio ambiente e solidariedade tudo em um único projeto da CUFA em Dourados.


Hip Hop, oficinas dos cinco elementos do Hip Hop, Audiovisual, Mostras de Cinema, skate, basquete de rua e solidariedade com as comunidades dos bairros da Periferia de Dourados. Tudo isso faz parte do Projeto Conexão Hip Hop que culmina com um festival de várias bandas de Rap estadual e interestadual e que deve agitar o dia 09/12/2007 em Dourados-MS, no Espaço Jorge Antonio Salomão.


Os grupos Face Real (Sinop – MT), Linha Dura e DJ Taba (Cuiabá - MT). Além de Fase Terminal (MS), e + 15 grupos de Rap do estado irão dividir o palco do Espaço Jorge Antonio Salomão.


A entrada para o Festival será a doação de um brinquedo que será doado às crianças da periferia de Dourados.

O Projeto é uma iniciativa da Organização não-governamental Pulsar, que atua no estímulo à preservação do meio ambiente, cultura, comunicação popular e do respeito aos direitos dos povos indígenas, Juntamente com a Central Única das Favelas - CUFA, que é um movimento nacional que tem se organizado em torno de um comum interesse: transformar seus talentos em potenciais diante da sociedade, ainda muito marcada pelos preconceitos e pela disparidade entre as classe sociais.


A CUFA tornou-se um referencial para as comunidades e hoje possui núcleos em vários estados do Brasil inclusive em Dourados.

As atividades do Projeto ocorrerão no início das noites dos sábados às 19h30min, nos dias: 17/11/2007: Escola Álvaro Brandão – João Paulo II;

24/11/2007: Escola Antonia Candido de Melo – Parque das Nações II;

01/12/2007: CRÁS – Estrela Porá e;

08/12/2007: CRÁS – Canaã I, com o apoio das lideranças do Orçamento Participativo e lideranças dos bairros.


A Mostra de cinema popular terá projeções gratuitas de filmes e será realizada em espaço público dos bairros. Serão exibidos filmes de longa e curta metragem de produção mais recentes, e também importantes obras da história do cinema brasileiro.


A Mostra pretende ser um primeiro passo para constituir um espaço permanente de exibição e debate com a comunidade sobre cultura, questões sociais e econômicas que afetam diretamente as comunidades moradoras dos bairros de periferia. Um dos intuitos é chamar a atenção da opinião pública para estas regiões com alto contingente populacional, grande efervescência cultural e nenhum espaço nos bairros para disseminação.


O projeto Conexão Hip Hop quer incentivar o interesse da comunidade pela cultura cinematográfica, inserindo o audiovisual no campo das atividades locais, buscando promover um espaço de reflexão crítica sobre este imaginário.

Apoio: Prefeitura Municipal de Dourados, Uniderp, Íris Comunicação, COMAFRU, CUFA SKAT e Red Machine.

Nenhum comentário: