5 de ago de 2008

Jovem instrutor da CUFA espancado por PM’s é ouvido por recém empossado Comandante da Policia Militar



O pedreiro Jilcimar Tavares, foi nesta ultima sexta-feira, (01/08), foi convidado pelo Comandante Regional 3 da Policia Militar de Mato Grosso, Cel. Joelson Geraldo Sampaio, onde o intuito do novo comandante é se interar aos casos de ingerência policial, onde na ocasião policiais militares, sem motivos concretos prenderam o jovem e o espancou, deixando diversos ematomas que prejudicam sua vida normal até o dia de hoje.

Jilcimar Tavares relatou novamente todo seu depoimento ao Cel. Joelson Geraldo Sampaio, e enfatizou que sua vida não é mais a mesma desde a brutalidade proferida contra ele, levando-o a criar uma nova rotina de vida, trabalhando para fora da cidade, se afastando do prazer que era propagar a cultura da dança (break) ás crianças atendidas pela Central Única das Favelas, isso tudo devido a ameaças sofridas posteriormente a denuncia de abuso de autoridade por parte dos Policiais Militares.

Anderson Maciel, Coordenador da CUFA em Sinop e Helmir Crispiniano Rocha, Presidente da Associação de Moradores do Bairro Jequitibás, expuseram ao Comandante o objetivo dos trabalhos de ambas as entidades, que é o de proporcionar alternativas aos jovens quanto ao exercício da cidadania, e que enquanto fatos como estes praticados por uma parcela mínima da corporação acontecerem, eles retrocedem todas as ações e projetos desenvolvidos.

Helmir Rocha, enfatizou ainda que mesmo após toda repercussão do caso Jilcimar Tavares, muita coisa não alterou, chegando ao extremo nos últimos dias, que foi a morte do também pedreiro Thiago Rodrigues dos Santos, vitima de abuso Policial, praticado pelo Soldado Evanil, que mesmo depois desta falta de capacidade de exercer sua função, omitir os fatos se retirando do local e mantendo-se fugitivo por vários dias, continua exercendo interinamente suas funções.

O Comandante elogiou a revolução realizada na Praça União, que era o principal ponto de dependentes químicos do município, onde os mesmos aterrorizavam a população, com violência e furtos, e hoje esta realidade é totalmente inversa, com diversas atividades esportivas e culturais, elevando o potencial das crianças e jovens, melhorando ainda a qualidade de vida de toda a população, e admitiu que mudanças devem haver e mudanças serão realizadas, isso já se inicia neste momento, com a atualização das informações, buscando casos acontecidos a algum tempo e casos mais presentes como o do jovem Thiago que teve sua vida ceifada.

Contudo a CUFA e a Associação de Moradores do Jequitibás, ficaram encarregadas de mobilizar a comunidade sinopense, para importante debate com o Comandante Regional 3 da Policia Militar com o tema: SEGURANÇA PÚBLICA COMUNITÁRIA E SEU CONTEXTO GERAL.

O Cel. ressaltou que atividades como esta, são importantes para sentir no corpo a corpo o que a comunidade quer e espera da policia, e que o primeiro passo é fomentar as ações da Policia Comunitária no município.

O Debate ocorrerá no dia 14 de agosto e contara com a presença e participação de diversas autoridades do município, e principalmente com a presença e participação de toda sociedade civil sinopense.

Nenhum comentário: