2 de nov de 2010

Bradan nacional será uma das atrações da 6° edição do Festival Consciência Hip Hop

Etapa Nacional de Brasil Break Dance contará 27 duplas mobilizando todos os estados brasileiros



Lívia Kriukas/Frente Brasileira de Hip Hop - CUFA


Será realizado no próximo dia 19 deste mês, o Brasil Break Dance (Bradan) que este ano esta em sua 2° edição. O Bradan nacional será realizado na capital de Mato Grosso (Cuiabá) no Centro Esportivo e Cultural da Central Única das Favelas (CUFA).

O maior evento de break do Brasil será uma das atrações da 6° edição do Festival Consciência Hip Hop de 18 a 20 de novembro. Um evento que já virou tradição todos os anos da CUFA Cuiabá.

O Bradan surgiu devido ao grande número de adeptos a modalidade B.boying no Brasil, tendo em vista que além de serem poucos os eventos realizados, e geralmente é cobrado dos dançarinos um alto valor de inscrição. Sendo assim a CUFA deu origem a esse evento proporcionando maior visibilidade para b.boys e b.girls do Brasil mostrarem o melhor que sabem fazer dessa dança e que faz parte dos quatro elementos do Movimento Hip Hop.

Quem nos conta um pouco da abrangência que esse evento tem é Cleiton Rocha (kakko), ex- b.boy e coordenador da CUFA de Uberlândia (MG) e um dos organizadores do Bradan. “Em seu segundo ano o Bradan já e considerado pela crítica o maior evento de break do Brasil, pois o mesmo mobiliza os 27 estados brasileiros”, diz Cleiton.

Será uma dupla de cada estado totalizando 27 duplas que irão para disputar a final nacional em Cuiabá (MT). Além da dupla campeã de b.boys ou b.girls serem reconhecidos (as) nacionalmente como a melhor do Brasil, tem a premiação que é significativa, mas a visibilidade no cenário da dança é muito maior podendo o campeão ser convidado a ser jurado em outros eventos de break ou até mesmo palestrar sobre a cultura hip hop conhecendo estados desconhecidos até então.

“Um exemplo é a dupla vencedora da fase estadual do Bradan de Dourados (MS) que já foram convidados para julgar e palestrar sobre a cultura hip hop em outros estados. No Bradan de Uberlândia o b.boy Rocka de Dourados foi jure mobilizando 7,5 mil pessoas tornando assim um dos maiores públicos de Break se não o maior”, ressaltou Cleiton que também é professor de break em uma instituição de Uberlândia (MG) ensinando crianças a descobrir o dom da dança urbana e quem sabe serem futuros b.boys e b.girls.

Nenhum comentário: